Total de visualizações de página

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Chocolate x Homens


Há quem afirme que um bom chocolate satisfaz igualmente como o sexo. Será???
Preferiria então um homem coberto de chocolate... hmmmm! :P
Carência sexual suprida por uma barra de chocolate? É interessante pensar nisso como uma realidade. Mesmo porque, ao meu ponto de vista, em certos momentos um bom chocolate ao leite, derretendo na boca satisfaz realmente como uma noite de sexo. A melhor parte disso é que o chocolate não nos cobra nada, não vai ficar chateado ou apreensivo caso a gente não ligue, nem vai ficar se 'achando o último biscoito do pacote' caso a gente ligue, nem vai correr uma semana, caso a gente mande um 'sms' dizendo que curtiu a noite (que de repente nem foi lá essas coisas).
Os homens reagem com riqueza de detalhes, igualmente às mulheres. Fiz um teste por algum tempo, comecei a agir com eles, como eles mesmo agem com as mulheres...
Todas as mulheres reclamam de falta de atenção, indelicadeza, machismo, falta de respeito. Pois então, se você não der respeito a eles, nem um pingo de atenção, trata-los com total falta de delicadeza e tato, principalmente se 'se meter' a feminista, eles vão reagir igualzinho às mulheres.
Vão ficar chateados, se sentir a última das criaturas, caso você faça com eles o que eles fazem com você.
Só não me pergunte se isso satisfez meu ego. Pois, aí vou ser obrigada a dizer que foi a melhor experiência da minha vida, e que pensei até que era assim de verdade!
Ufa, ainda bem que me lembrei agora que não sou assim!
Mulheres, esse modo de agir com os homens (comuns) é o tal do botão do 'foda-se' mesmo!
É independência, é total falta de apego. Pode parecer falta de vergonha na cara, e é!
Feminismo seria dizer que não precisamos dos homens para nada. Passo longe disso.
Machismo seria dizer que as mulheres têem que baixar a cabeça para eles, literalmente e sexualmente falando... Quê??? Baixa a cabeça você meu filho, ainda não terminei!
O mau destas 'experiências' é que você pode esbarrar em alguém um pouco 'ou muito' especial. E pode chegar a hora de abandonar a missão.
Abandonei minha missão. Já posso começar meu livro. Já tenho um final para ele.
O livro termina, mas a vida não.
Me disseram outro dia que sou muito intuitiva, mas não costumo ouvir...
Vou começar a ouvir agora e escrever finalmente meu livro. Ouvir também essa voz que me diz que tem alguém que realmente pode me fazer abandonar essa missão e começar outra!
Começar finalmente... faz algum sentido isso???
Alguém lê isso?
Dane-se... eu leio! \o/